07 maio, 2010

Pensamento ... - II


"... E ela assim assistia, sempre assistia...
Enquanto tudo queimava em seu peito
E tudo em eco em sua cabeça
Questionava, refletia e nada conseguia expor,
Era tudo tão rápido...
Ao mesmo tempo que era seu, era do mundo...
E esse cruelmente ensinava...
E ela, intácta, sem poder interferir...
E doia lá no fundo...
Remoia o que não podia ingerir...
E ingeria o que nem sequer pensava
E assim, doendo, existia..."

Dú♥Karmona®