24 março, 2010

Dor...

























Dor ...
Não sei o que me sacia...
Tenho fome de vento!
E o que tenho é ventania...
Tenho fome de amor!
E nem o meu excesso mata...
Tenho sede de vida, de calor...
E vivo em chamas!
Talvez, se gritar bastante,
Faça a terra me ouvir,
Até sangrar
E regar a minha dor...

Dú♥Karmona®