22 outubro, 2015

Tem coisas assim:



Tem coisas assim:

Por mais que doa, por mais que esteja claro pra todos...
A gente prefere não dar importância.
Melhor, porque pode cair no vazio ou do lado errado. Errado?
É o lado mais certo; não ver as cores, remendar os dias e seguir, porque afinal, precisamos chegar a algum lugar.
Mesmo que às vezes seja preciso parar, chorar...
Mas é preciso continuar...
Pintei de cores e palavras, tudo que vivi e prometi a mim mesma.
E queria mais, mas um pouco menos dolorido seria melhor
Mas insistem em seguir pelo caminho da dor e eu só assistindo, é o que posso.
Mas agora doeu, uma dor latente, profunda...
Que chega a doer a alma...
Aquele jeito que tinha de me olhar,
era como dizer que queria o sol, as estrelas...
Mas que estaria comigo, sempre, mesmo quando escolhesse ir, estaria comigo.

Dói a alma e deixa um vazio...


DúKarmona®