27 setembro, 2010

Meus Anjos ...

 

Esta na minha hora...
Hora de ir embora
e levo no peito,
sem angustias
nem medos,
o que se revelou.
Deixo no meu quintal
o som “dos pequenos” ...
As flores...
O canto dos pássaros...
O tapete de areia,
O por do sol na minha sala de estar...
O barulho do riacho sob a ponte
que corre em direção ao mar...
Meus passos no calçadão
E levo a poesia de tudo,
fonte de inspiração ... 
E meus Anjos revelados
Em meu coração...

Dú♥Karmona®