15 fevereiro, 2009

Declaração


Declaração sem forma
E me tens assim,
Sem falta!
E te tenho...
Se não, nem morro...
Até mesmo na minha
necessária solidão
Estás comigo...
E te acumulo
Em meu farto coração...

(Dú Karmona)