21 fevereiro, 2016

Inteira !? (2)


Inteira !? (2)

“ Sim, estou aqui, cheguei quase agora, apesar da minha idade...
Minhas experiências me delatam... quase que no mesmo exato do tempo, esse tão cruel e inevitável.
Depois de tantas esquinas, algumas submersas e ancoradas em pesadelos, eu voltei sim, sem ter andado em círculos.  E em algumas esquinas estive ausente, não poderia suportar a visão turva e nebulosa. Foi melhor assim... Temos que ter redomas e sabermos usá-las também, eu aprendi assim em umas das tantas primaveras passadas a qual deixou muitas cicatrizes...
Sim, em meu retorno, voltei inteira, fragmentada em retalhos colados.

Inteira, em retalhos de mim... “  - DúKarmona®