14 dezembro, 2013

Pensamento ... ( XXXVI )



Pensamento ... ( XXXVI )
Versos Antigos
" De repente ‘ele’ virou tudo que ela pensou não existir mais
Então pegou o que mais estava guardado,
guardado para ela e sorriu
Queria dividir isso, fazer sentir o que pensava
Ver o que ninguém mais lembrava
Descobrira que poderiam ser ‘o amor de suas vidas’,
Se misturassem tudo que viveram,
Todas as emoções sentidas e até mesmo
suas decepções...
Em versos comuns, marcados sem rimas...
Enganos que ficaram em versos sem razão,
E que agora existe
Nos mesmos versos antigos
Guardados em sua memória... "
Dú♥Karmona®
Recanto das Letras