25 janeiro, 2010

Amor Sustenido ...



















Imersa na música
que trepida em meu peito
e me ensurdece...
Calo em cada nota, sentida...
como se 
'Dú' fosse 'dó'
E sem
 'dó' preferiria estar 'lá' ...
onde escondo meu lugar.
Só quero um tempo,
de 
'ré' ...
Esconder um beijo

no que mais me feriu...
Sem 
'dó' agora maior
na minha solidão.
Persistente!
Em um 
'fá'
Agora sem certeza
da resposta do amor...
Trepidante!
Em 
'mi'.
Ficou fora...
de 
'si'.
Talvez o caminho
seja o contrário,
O inverso do som
Em um
 'sol' ...

Dú♥Karmona®