18 julho, 2010

Vento...


Chamei o Vento que te trouxe
Com a cumplicidade da lua
Pedi pra que ele se transformasse
Numa brisa bem suave...
Para que te arrancasse aos poucos
De minh’alma...
E te levasse ao norte do horizonte...
Pedi com minh’alma em prantos...
Já sentindo a falta da tua...
E assim foi...
O Vento te levou...
Te libertou...
Levou tua alma pra longe da minha
Mas o que nem o Vento viu
Foi que trocamos nossas digitais
Que ficaram tatuadas
Para não nos esquecermos
Jamais...


Dú♥Karmona®