12 setembro, 2009

Eco...























Eco na minha cabeça
Soluços ao fundo...
Barulho de agua lavando a alma!

Tentando amenizar a dor...
Dor da perda, da falta !
Da distância que terá que seguir
Paredes que escutam
Batentes que apontam o caminho
E deixam lembraças
Entre portas e comodos
Os almoços, as crianças crescidas
E as crianças...
Seguiu primeiro...
Escolheu ir primeiro
Para escutar o caminho
Tirar os espinhos para que ela
Pudesse passar
Depois...
Entre as flores...



Dú♥Karmona®